sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Uma ,duas três histórias.

Quando eu me separei do pai de minha filha aos 46 anos , eu já estava em minha primavera,com a vida ganha ,com a vida feita ,e ai não adianta entrar em detalhes escabrosos porque só iria me trazer grande angústia ,e estamos numa época propícia pra se ficar relembrando de coisas...
Mas Veio parentes de todas as partes, chegou minha sobrinha que eu criei com muito amor casada com um Pastor de Igreja,que só murmurava o tempo todo que o que estava acontecendo era obra de satanás(que pena que eu não dei ouvidos,que pena que não me exorcizaram até a morte) Veio minha irmã de Bauru, com suas filhinhas,até meu marido passava de comboio em frente ao cortiçinho em que fui morar, e com seu carrão, passava e ali mostrava com um coral de OH! Quando viam de onde eu sai ,o que eu deixei pra me unir a uma pessoa bem mais jovem do que eu,e meu arrependimento é tanto, que eu me dou o direito de deixar a todos, curiosos de vontade de saber o quanto ,mas já teve uns casos especiais na Globo, que retrataram vidas assim, de mulheres mais velhas, com homens bem mais jovens,e embora eu tenha nos dias atuais sofrido mais que um cão abandonado atrás de seu dono , já viram cachorro todo machucado, mas ainda ativo correndo de um lado e pro outro procurando a casa ?Seus donos? Cachorro perdido mesmo, eu me encontro até nos dias de hoje assim ,não tive a sorte do carro me pegar, e acabar de vez com a correria ,com gente gritando pra que ele se desvie dos carros ,carros buzinando,é uma coisa desesperadora assim ,na verdade fazendo esse parâmetro com esse animal que é o melhor amigo do homem, já não corro ,eu já estou na fase do bicho quando fica enroladinho num canto, mas tem sempre um lojista e outro que joga água em cima, pro animal sair de frente do estabelecimento ,e o faz ,não por maldade, mas porque se não, os clientes não entram e ai o bicho vai devagar ,sem atravessar mais a rua procura um outro canto.
Mas foi a última vez que eu vi meus familiares, reunidos, inclusive minha mãe, e nesse tempo ocorreu um fato inusitado, uma de minhas irmãs a irmã que eu mais amo veio morar com meu ex marido, ela largou o trabalho, e entra na casa que um dia fora minha, e eu amava e amo essa irmã e foi engraçado o nosso encontro ,foi no mercado,entre nas gôndolas do mercado, tocamos nas mãos uma da outra as escondidas disfarçando,aquela vontade de nos abraçar e não se podia, na época ,o pai de minha filha não sabia que tínhamos nos visto, mas a euforia de nos vermos foi tão grande ,que no outro dia nos encontramos na praça da cidadezinha em que morávamos, ele, em fúria , sai do banco, onde trabalhava, e pegou a nós duas abraçadas e eu perguntava mas porque você fez isso? Vir morar com esse homem, você vai ver que ele não é o que vocês pensavam ,vai te magoar, vai magoar teu filho, ele é falso, e ai aparece aquele homem imenso a nossa frente,e me proibiu qualquer reaproximação ele disse ninguém de sua família quer saber de você, e colocou nós duas pra correr, e ai a coisa terminou em menos de 15 dias ,eles não ficaram juntos, mesmo ela tentando.Mas houve nessa história, bem no comecinho ,uma mulher que na época tinha minha idade ,e uma amiga eu amava muito, e ela disse pra mim -Thais ,você está numa idade que não é pra recomeçar mais nada, é pra usufruir dos bens conquistados, esquece essa paixão, essa história, faça as pazes com teu marido e tentem refazer essa união para não sofrer mais tarde.
Eu to contando essas coisas, sem ordem do tempo esse caso ,esse conselho, foi o primeiro porque quando brigamos feio, e foi mais uma de nossas brigas, foi quando ela me disse isso.E foi na casa dela que saiu a conversa todos os nossos amigos eram contra a separação, a maior coincidência do mundo ,o irmão do meu marido na época, comprou a casa dela em São Paulo e vem morar na cidade em que morávamos por isso ocorreu a amizade bonita entre nós.Durou alguns anos, depois, na época de nossa separação ela foi ser testemunha dele,na verdade eu não tive um amigo se quer.Não porque eu estava com esse rapaz, essa história não é assim, eu não sai de casa por causa dele,não, eu me envolvi com ele após a separação, que não tinha sido a primeira foram 25 anos de casada já tinha havido muitas separações, e tem aqui gente que sabe disso.
Meu casamento foi muito conturbado, eu creio que eu confundi amizade com amor, e me casei com ele, alegria mesmo no casamento durou três anos ,e 6 meses,eu sei datar muito bem porque foi quando eu engravidei de minha única filha. O resto, foi só encrenca ,ele me traía a olhos vistos,me tratava com muita rispidez,me humilhava o tempo todo, ou seja, ninguém larga 25 anos assim ,por causaa de alguém que seja mais bonito,mais jovem,não, isso é mentira, eu creio hoje que isso é o destino mesmo.E foi tão verdadeira essa segunda união que durou 16 anos de incrível felicidade,se mudou e faz só cinco anos de separação,ai é outra coisa,mas foi gente,existem pessoas vivas que nos conheceram viram e sabem de tudo.
Mas eu queria me reportar ao que ela me disse, pois é uma grande verdade, há um tempo em nossas vidas, que não se pode mais recomeçar nada, porque não dá tempo de errar, de fazer porque não há mais tempo de consertar o erro nem saúde física ,nem psíquica ,porque a juventude é que aguenta essas dores ,quando se envelhece NÃO! E ai o que sobra é a história do cachorro perdido, a coisa fica mesmo FEIA.
Hoje acordei pensando nessa mulher , que deve estar beirando seus 90 anos, ou já foi pro outro lado desta vida ,eu não sei ,mas eu acordei me lembrando, ouvindo mesmo a sua voz, e porque não damos ouvidos a certas coisas,porque?
Mas eu sonhei com ela, por causa de uma programação que passou ontem a noite chamada -Troca de Família- onde uma mulher sai de sua casa e vai morar na casa de outra ,mas justo ontem, aconteceu algo que me chamou muito atenção , porque foi aqui na minha avenida ,num prédio ao lado do mercado em que faço compra,toda a nossa rua apareceu, e a história veio a confirmar algo ,que todos os dias quando eu to subindo a rua, eu falo pro meu companheiro,que quando eu chego aqui, eu começo a ficar esquisita, vai me dando uma tristeza ,eu não quero vir pra casa, eu não gosto daqui,também pudera ,cheio de lembranças,e justamente esse episódio, veio responder as minhas sensações ,e a certeza que há locais que não nos fazem bem.
A mulher saiu de uma cidade do interior, uma mulher alegre ,que entornava uma cerveja , mas muito feliz e, ao entrar no apartamento ,ela já sentiu, acho que ela nunca esteve dentro de um apartamento, ela morava numa casa enorme e cercada de amigos e parentes, bem eu vou resumir a mulher endoidou, o programa teve que ser suspenso, ela acabou internada num hospital numa crise de pânico, a mulher murchou, a olhos vistos a mulher pirou a olhos vistos ,ela estava que nem o tal cachorro, de sapatos nas mãos, andando descalça pelas ruas, aparece uma Igrejinha em que a família ia a missa ,e eu conheço aonde fica, e ela não entrou, na tal missa ficou,sentada na sarjeta bebendo uma cerveja ,e tentando pegar um taxi, e ai aparece um homem falando que ela teve um de stress traumático e La estava, a alegre jovem senhora hospitalizada .Já se passou faz 7 anos esse programa, e eles estão exibindo, e a mulher que é a pessoa que entrevista o caso faz o reencontro das pessoas e é lindo porque a daqui foi tão feliz na casa da outra ,dançou ,cantou bebeu, pra vocês terem uma ideia ,ela chega com a mala com garrafas de cachaça , e ela sorrindo chegou que nem essa mulher de lá dizendo eu vou beber um pouquinho,e todos os dias ela bebia a cervejinha dela, e virou um hábito e ela dizia que só não dançou nunca mais, e uma pedia desculpa a outra, uma por não ter gostado da vida da outra, e a outra por ter adorado a vida dela,mas nunca mais voltou ao local e o que eu fiquei pasma de ver,foi que a que morava no interior ,ela entra amparada dentro da casa e dizia -Graças a Deus, minha família, minha casa,eu estava enjaulada, e ela contou que levou quase um mes pra se recuperar. Graças a Deus ela estava linda, rejuvenescida, turbinada, mas a mulher estava mesmo em pânico, só de lembrar Ai ,entra a sensação que eu tenho daqui ,eu não gosto daqui,e todo mundo me fasla que eu deveria ser mais grata a Deus, que isso e aquilo e fazem até comparação dos refugiados e eu,gente não se trata disso é algo de energia é um local que não me faz bem mesmo. Como tem agora a mania de tudo que não se explica dizer que é ciência quântica ,que ela explica, eu digo é Quântico a coisa.
E ao acordar, lembrando desta senhora, eu acordei aqui na sala ,todas as noites eu pego minha cama, e armo na sala, e fico aqui ,porque não me sinto bem no meu quarto, morar em prédio e você estar ao lado de uma gente, do lado e outras ,por cima,e por baixo ,eu me sinto muito mal mesmo aqui.
E faz cinco anos que tento desesperadamente me enquadrar no meu quadrado, e ai dói ,o que meu segundo marido fez comigo, me enganar de uma maneira quase como se engana um cachorro ,pegou-me na coleirinha , feliz abanando o rabinho, vinha caminhando,e ai em dado momento ,ela solta a coleira ,e me deixa em plena SAMPA, ATÉ OS DIAS DE HOJE.
Ele foi tão imoral,tão indigno, tão covarde ,que ele pede transferência pra aqui da Empresa em que trabalhava de mentira ,e eu e amigos, até o Diretor procurando o tal pedido, e o diretor me diziaThais ele não mandou,e eu dizia ,mandou, eu vi,e ele dizia -Thais eu sou o diretor desta empresa, ele não mandou –
E não mandou mesmo, ele só juntou tudo que havia sobrado de mim ,me enfiou aqui, e nunca mais voltou, tem mais coisas, mas eu fico por aqui pra lembrar duas coisa, que é fato, esse local não é bom ,embora seja considerado um bairro nobre,e que aquela senhora me deu o melhor conselho que uma pessoa poderia ter me dado, eu me recordo que ela me dizia -Thais você pensa que eu e meu marido não passamos por traições,por perdas e danos?Já tivemos nossas crises, mas suportamos porque as perdas seriam piores na nossa idade. Faria 21 anos de união se tivéssemos juntos. -Thais você tem de usufruir da vida, e quando você for e recomeçar,só lá, mais a frente, isso vai te pesar- ah! Meu Deus como pesou como pesa ,como dói.Mas se eu não me lembrar destes cinco anos que luto, pra ficar no meu canto eu digo de coração ,cheio de amor ,eu faria tudo de novo, foram 16 anos de felicidade, de alegria, de projetos, todos eles ditosos, todos eles auspiciosos, alegre,só que havia uma coisa que eu não dei atenção, os sinais , se eu tivesse percebido os sinais ,que estavam ali na minha cara (mas eu não vi) eu não teria ido a frente com isso.E na época meu marido (o pai de minha filha)ainda me queria ,me amava ,do jeito dele ele levou uns cinco anos pra se recuperar da separação, e eu fui com tudo, dei um salto no escuro, e hoje cai num precipício tão profundo, tão escuro ,que é um milagre eu estar viva, era pra eu ter morrido, com toda a certeza, doença emocional todas, eu ainda tomo as tarjas pretas eu tenho crises feias mesmo,mas logo me restabeleço, a base de drogas liberada.
Uma mulher triste, por mais que eu esteja “feliz” meus olhos falam o que meu coração ta cheio, e a saudade ,esse grande amor de minha vida nunca apareceu nem pra saber como eu estava, se precisava de alguma coisa, e o mais duro de dizer ,se não fosse esse apartamento ,que eu tenho do meu primeiro casamento, e que não gosto, eu teria virado uma moradora de rua,porque eu não tinha mais família,por causa desta união, em que todos foram contra eu perdi minha família ,antes do meu pai morrer (nem no enterro eu fui) ele me ligou e me abençoou ,disse se isso me fazia feliz ,que eu fosse feliz ,que a vida era só isso, mais nada... A minha mãezinha também, ela esteve até em minha casa ,e viu que eu estava feliz, mas o resto, eu perdi,perdi minha irmãs.a que veio morar com meu ex marido,perdi pra sempre, minhas outras irmãs porque quando aconetecem essas histórias meio que ruins, na família ,todos se afastam, e todos ,La no fundo julgam, Nunca ouvi mais sobre isso, eles falam sim dele, mas de mim não, eles sabem do meu sofrimento, a olhos vistos, e me amam e e sofrem junto comigo.
Mas porque eu escrevi isso , foi devido ao sonho que tive, foi devido a programação que eu vi ,e que sirva de alerta a HOMENS E MULHERES por favor ,não caiam no canto da sereia,gente por favor, não larguem suas famílias, por causa de grandes paixões ,grandes amores, porque vai passar,e VOCE VAI FICAR A VER NAVIOS, TA RUIM? MAS TENTE CHEGAR ATÉ O FIM DA CAMINHADA, COM AQUELE QUE Deus os uniu a não ser, se for um HOMEM que espanca, mas passe por cima de tudo, porque não existe perfeição em ninguém, tentem ser felizes, e não olhe pra nada que sinaliza felicidade DEMAIS,se algo te sinaliza que é grande felicidade , tenha cuidado,redobre as defesas.Eu nada sei deste homem, nunca mais ouvi ,nem a voz dele ,eu fui ajudada por amigos deles aqui, com cestas básicas, eu fiquei a míngua, com 48 quilos, eu tinha um cabelo lindo, castanho escuro, eu fiquei com a cabeça branquinha ,assim, do dia pra noite, como que se uma nuvem descesse sobre mim,eu ainda estou em recuperação, e acho que vou morrer lutando ,pra não ficar aonde ele quis me deixar ,na sarjeta e estou aqui com a maior coragem ,arrumando a minha casa, quero pinta-la ,quero fazer isso e aquilo ,e pra que? O que é quem vem depois dos 65 anos? Um amigo me respondeu 70,80, e vamos que vamos. 
Eu desejo a todos voces um feliz Natal, um ano Novo de paz, e de muito amor e tenham juízos cuidem de suas famílias, sejam felizes e mais do que isso ,nunca saem de perto de Jesus ,porque esse é o único que não nos decepciona,se hoje eu to aqui escrevendo isso, é graças a Ele ,que me salvou de todas as tentativas pra acabar com minha vida ,e por incrível que pareça eu to muito bem ,eu to bem mesmo.
Ma tem dia ,que as coisas afloram, esse período de festas mexe comigo,essa história que passou na TV testifica que aqui não tem uma energia boa,e que eu estou tentando ser uma família de novo, uma família de dois,porque já ninguém se agrega ,se importa ,pois não se trata mais de um casal próspero,mas de um casal que luta, que estão velhos, e caminhando pra estarem mais velhos ainda ,e ninguém gosta de gente velha,Padre Fabio fala bem sobre isso,se pudessem ,eles nos jogariam fora. Que todos vocês sejam felizes, e eu vou sair daqui até que essas festas passem, porque eu sofro demais, e eu não posso adoecer ,não na minha idade,não tendo assistência médica ,não tendo nada! A não ser um teto ,e graças a Deus por isso.
Feliz Natal e Feliz ano novo!27 de novembro de 2015 sexta-feira.
Thais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário